Marina Alexandra Lopes Alves

Estávamos em 2011, o Centro Ciência Viva do Lousal – Mina de Ciência era ainda um projeto em fase inicial e a equipa era presenteada com as suas ideias, projetos, vontade de aprender, de concretizar e, acima de tudo, de ajudar nos primeiros passos desta aventura de comunicar ciência.

Alguns dias bastaram para que percebêssemos que as ideias da Marina Alves seriam para concretizar no imediato, sempre em prol de uma divulgação direcionada para todos, sem que ninguém fosse excluído. Característica que refletia o seu enorme coração e respeito pelo próximo.

Passaram-se os dias, os anos e, de forma silenciosa, chegou a notícia de que seria necessário abrandar a frenética aventura da vida. De acordo com um sábio ensinamento que ela nos deixou, sorrimos esperançosos aguardando o seu prometido regresso.

Nesta longa caminhada, sempre que nos visitou, refletia a mesma motivação que trouxe naquele primeiro dia de trabalho.

Ontem, recebemos a notícia de que a sua jornada terminara e, com ela, a nossa esperança também. Não da forma que tanto acreditámos ao longo deste tempo, mas da maneira que a efemeridade da vida dita.

A equipa da Mina de Ciência – Centro Ciência Viva do Lousal vem, desta forma, manifestar publicamente o mais profundo pesar pelo falecimento da colega e amiga Marina Alexandra Lopes Alves, endereçando aos familiares e amigos as mais sinceras e sentidas condolências.

Até sempre

X